Publicidade
Notícias | Região Desenvolvimento

Reunião aproxima Administração Municipal e GM

A intenção de não sair de Gravataí e as possíveis novas parcerias foram temas do encontro virtual

Publicado em: 13.01.2021 às 18:28 Última atualização: 14.01.2021 às 21:36

Reunião virtual entre prefeito e representantes da GM Foto: Divulgação/PMG
O prefeito de Gravataí, Luiz Zaffalon realizou uma reunião virtual com representantes da GM. Além do gestor municipal participaram a vice-presidente de Relações Governamentais e Comunicação da General Motors América do Sul, Marina Willisch (que estava na Alemanha), a diretora de Assuntos Institucionais, Daniela Kraemer (em Porto Alegre) e o diretor de Relações Governamentais para América do Sul, Adriano Barros (em São Paulo).
A reunião de aproximação entre a nova gestão e a empresa, que aconteceu no final da tarde da terça-feira (12), teve como uma das pautas o futuro da GM Gravataí e a importância da montadora para o desenvolvimento da cidade. “A economia de Gravataí tem um divisor de águas chamado GM, por isso, é fundamental estarmos alinhados”, disse o prefeito. Observou ainda que a cidade tem uma das plantas mais produtivas e modernas do mundo, tendo os carros campeões de vendas por seis anos consecutivos. “Por estes motivos, a vice-presidente Marina me garantiu que não existe o menor risco da GM deixar a cidade”, disse Zaffalon, afirmando que o assunto foi mencionado por conta da recente decisão da Ford de deixar o Brasil e o impacto que isso tem na economia das cidades em que a montadora está instalada.
Marina destacou que, neste momento, há uma parada na produção da planta da GM de Gravataí por uma falta mundial de semicondutores. Adiantou que até 2030 a GM terá no mínimo 30 modelos de veículos elétricos em sua linha, ou seja, está em permanente evolução e pronta para os novos tempos.
Parceira no combate e enfrentamento ao coronavírus na cidade, a GM é uma das empresas mais bem preparadas para o cumprimento rigoroso dos protocolos sanitários. Sendo assim, o diretor de Relações Governamentais para América do Sul, Adriano Barros, fez questionamentos sobre o tema e sobre os termos da cogestão entre os municípios da região. “Para a planta operar e termos uma produção aceitável, por ter um nível alto de automatização, é necessário que 75% dos funcionários estejam trabalhando”, afirmou o diretor.
O prefeito Zaffalon aproveitou a oportunidade para buscar mais parcerias com a GM. Apresentou aos gestores da montadora a intenção de criar a Secretaria Municipal de Inovação, Ciência e Tecnologia. Neste sentido destacou a importância da construção de trabalhos que busquem o desenvolvimento de soluções de alta tecnologia. “Tanto a Marina quanto o Adriano colocaram a fábrica como nossa parceira nesse projeto.” Uma reunião com o todo o secretariado e representantes da montadora deverá ser marcada nos próximos dias.

Gostou desta matéria? Compartilhe!
Encontrou erro? Avise a redação.
Publicidade
Matérias relacionadas

Olá leitor, tudo bem?

Use os ícones abaixo para compartilhar o conteúdo.
Todo o nosso material editorial (textos, fotos, vídeos e artes) está protegido pela legislação brasileira sobre direitos autorais. Não é legal reproduzir o conteúdo em qualquer meio de comunicação, impresso ou eletrônico.